Home Cidades Aumenta o número de acidentes no Natal em Goiás

Caminhonete Hillux colidiu com carreta Scania em acidente que fez duas vítimas fatais.

Caminhonete Hillux colidiu com carreta Scania em acidente que fez duas vítimas fatais próximo a cidade goiana de Uruaçu, nesta manhã (29).

 

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) divulgou os números do feriado prolongado de Natal à imprensa do Estado. Nos dias 23 a 27 (quarta a domingo) foram registrados nas rodovias federais que cortam Goiás um número de 62 acidentes, com 71 pessoas feridas e 3 mortes. Este mesmo período no ano passado, o número de mortes permaneceu o mesmo, porém com um aumento no número de acidentes e de feridos com 51 acidentes, entre estes, 63 feridos. A PRF ressalta que no ano anterior não houve feriado prolongado, como ocorreu neste ano e que este fator interfere muito na disponibilidade das pessoas em viagens e passeios pelas rodovias. O alerta vai para o risco de acidentes, especialmente devido às fortes chuvas, aliado com a embriaguez ao volante e as manobras arriscadas em locais perigosos, em ultrapassagens proibidas e o uso de aparelho celular.

A PRF noticiou mais dois acidentes graves que aconteceram nesta manhã (29) que deixaram três vítimas fatais. O primeiro deles ocorreu nesta madrugada, na BR 050, km 251, entre Catalão e Cristalina. O acidente envolveu um Fiat Uno Mille, com placa de Catalão, e uma carreta Scania, placa de Maringá-PR. Na ocasião faleceu o motorista do Fiat Uno, Fábio Sousa de Oliveira, 38 anos. O segundo acidente grave aconteceu na BR 153, km 203, entre Uruaçu e São Luiz do Norte, por volta das 07h20. Segundo o relato da PRF, um homem de 51 anos, Vicente Mariano da Silva, dirigia uma caminhonete Nissan Frontier (foto), quando, deparou com uma fila de veículos decidiu por fazer uma ultrapassagem que no local a manobra era permitida, porém realizou a ação sem as devidas cautelas de segurança. No sentido contrário ao da caminhonete seguia uma carreta Scania que vinha de São Luiz do Maranhão. A ultrapassagem não foi bem sucedida e a caminhonete colidiu frontalmente com a Scania.

Na colisão ambos os condutores jogaram o veículo para o acostamento a fim de desviarem, onde se chocaram. Foi realizado teste do etilômetro no condutor da Scania e não estava embriagado, saiu ileso do acidente. O condutor da caminhonete Vicente Mariano e sua filha Isabela Mariana Pereira da Silva, de 12 anos, faleceram na ocasião. A Scania conduzia centenas de bolsas de um produto perigoso, Nitrato de Amônia. Felizmente, na ocasião apenas uma bolsa se rompeu, causando danos não muito graves.

(Com Assessoria PRF em Goiás)

Deixe um comentário