Home Destaques Armas de policiais Militar e Civil de Goiás são substituídas após auditoria...

Luana Cavalcante

A Auditoria Fiscal do Trabalho começa nesta sexta-feira (17.nov.17) o recolhimento de pistolas em uso pelas polícias Militar e Civil de Goiás. O armamento do tipo PT 24/7 PRO D, da fabricante Taurus, foram vistoriadas após relatos de vários agentes de acidentes e incidentes.

O recolhimento de pistolas em uso foi determinado após o resultado da Auditoria do Trabalho, iniciada em agosto e outubro deste ano.

Ao todo serão substituídas 2,5 mil pistolas da PMGO e 704 da PCGO. A primeira etapa deste procedimento tem previsão para ser concluída no dia 27 de novembro.

O documento concluiu que as pistolas PT 24/7 PRO D são inseguras e perigosas para o uso dos policiais, o que exige o seu recolhimento imediato e a sua substituição por armas comprovadamente seguras.

Como as pistolas estão distribuídas nos 246 municípios do Estado de Goiás, foi necessário fazer até o momento o levantamento por batalhão, ou seja, localizar e identificar a quantidade de armas que há em cada um.

Somente depois desse levantamento é possível criar um protocolo para o recolhimento.

Deixe um comentário