Ad
Home Últimas Notícias Vereador pede que critérios de limpeza de lotes sejam revistos pela Prefeitura...

FERNANDA MORAIS
(Foto: Ismael Vieira)

O vereador Jean Carlos, líder do PTB na Câmara Municipal, criticou a maneira como a Prefeitura de Anápolis está fazendo a cobrança das roçagens dos lotes baldios de propriedade particular.

matoEle considerou ainda que a gestão municipal, através da Secretaria de Meio Ambiente, Habitação e Planejamento Urbano precisa avaliar os critérios que estão sendo utilizados para cumprir a lei que permite que o Executivo cobre dos proprietários do lote pela limpeza do terreno.

Na sessão ordinária dessa segunda-feira (5.fev.18), Jean Carlos justificou que na última sexta-feira (2.fev.18) foi publicado um edital no Diário Oficial listando os bairros por onde as equipes da GC Ambiental, concessionária da limpeza urbana, vai fazer a roçagem neste início de semana. O prazo de três dias entre a divulgação do serviço e a sua execução, de acordo com o vereador, é “muito curto”.

“Tem lotes que foram limpos, sem qualquer conferência ou atestado, três, até quatro vezes. Tem gente com R$ 1,2 mil de multa”. Outro ponto questionado pelo vereador foi em relação aos terrenos que são limpos parcialmente, mas a cobrança está sendo feita com valor integral.

Em seu pronunciamento, Jean criticou o porquê de a prefeitura não dar o exemplo, procedendo a limpeza de áreas públicas e estendendo a roçagem dos canteiros centrais das vias duplas localizados nos bairros. “Não é só ficar na Avenida JK, é [preciso] ir ao [bairro] Itamaraty também”, citou.

O petebista observou ainda que a decisão de proceder com essa roçagem “está desgastando a prefeitura”. Jean Carlos sugeriu que já que o serviço está sendo realizado na cidade, que seja melhorada a sua divulgação. “Não é todo mundo que acessa o Diário Oficial com essa finalidade”.

Por fim, o vereador declarou que mesmo tecendo críticas, ele é parceiro da administração. “Só aponto erros que às vezes não são percebidos por secretários”, concluiu.

Deixe um comentário