FERNANDA MORAIS

O vereador Pastor Elias Ferreira, presidente do PSDB de Anápolis, disse que não disputará as eleições de outubro desse ano. O tucano era um das possíveis indicações do seu partido para participar do pleito em busca de uma vaga na Assembleia Legislativa.

“Meu pensamento é continuar como vereador. Já conversei com minha família e a minha posição é de terminar o meu mandato”, falou.

O vereador reforçou que não pretende mudar de ideia nem com as possíveis saídas do deputado Carlos Antonio e de Frederico Bispo do partido. Carlos Antonio é candidato natural a reeleição. Já Frederico Bispo sempre foi muito ligado ao governador Marconi Perillo e pretende entrar na disputa eleitoral pela primeira vez esse ano.

Pastor Elias afirmou que sua decisão já foi repassada ao presidente regional do PSDB, deputado federal Giuseppe Vecci. No próximo domingo (25.fev.18), o vereador disse Vecci fará uma reunião com os presidentes municipais do partido em Goiânia. Sem dar detalhes sobre o tema da conversa, o tucano comentou que estará na pauta do encontro a discussão de estratégias políticas do PSDB para as eleições.

Nomes
Embora tenha descartado participar das eleições desse ano, Pastor Elias Ferreira afirma que o PSDB tem bons nomes para entrar na disputa. Sem Carlos Antonio e sem Frederico Bispo, o vereador aponta que o atual presidente da Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR), Ridoval Chiareloto e o ex-prefeito de Anápolis Adhemar Santillo seria uma boa opção para a Assembleia Legislativa e Congresso Nacional.

“Minha posição eu já falei qual é. Não sou candidato. Mas Ridoval e Adhemar teriam o meu apoio. Seria uma chapa forte para o partido”, concluiu.

Deixe um comentário