Home Cidades Comissão municipal promete atender as demandas urgentes de moradores de rua

Comissão para Acompanhamento dos Atendimentos às Demandas Imediatas Apresentadas pela População em Situação de Rua foi criada recentemente

ANA CLARA ITAGIBA

Realizar um trabalho mais incisivo para a assistência aos moradores de rua. Este é o objetivo Comissão para Acompanhamento dos Atendimentos às Demandas Imediatas Apresentadas pela População em Situação de Rua, que foi criada no mês de maio pela Prefeitura de Anápolis.

A equipe é composta por servidores públicos lotados nas secretarias municipais de Desenvolvimento Social, Trabalho, Emprego e Renda; Saúde; no Observatório de Segurança; e na Divisão de Postura. Ela atuará dando apoio aos sete Centros de Referência Especializados para População em Situação Rua (Centro POP) e fiscalizando o Serviço Especializado de Abordagem Social, que vai funcionar de forma continuada para buscar a resolução de necessidades imediatas e promover condições de acesso à rede de serviços socioassistenciais.

“A comissão irá identificar e dar encaminhamento para todas as pessoas que estiverem em situação de rua, principalmente aqueles assuntos pontuais, que envolvem o Ministério Público, o Juizado da Infância e Juventude, a Delegacia da Mulher, entre outros”, disse a secretária municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho, Emprego e Renda, Tânia Aparecida, que afirmou que essa será uma das primeiras ações a serem intensificadas pela equipe.

A secretária explicou ainda que com a comissão a expectativa é dar mais celeridade aos assuntos urgentes e que são mais delicados no que diz respeito a este público.

Durante o evento de lançamento, que aconteceu no dia 9 de maio, o prefeito Roberto Naves (PTB) disse que além de acesso à rede de apoio, o Serviço Especializado pretende dar acesso às demais políticas públicas na perspectiva de construção do processo de retirada de pessoas das ruas e da garantia dos direitos individuais. Para realizar este trabalho, a equipe conta com um veículo próprio para ir aos locais onde há necessidade de atendimento.

Esse trabalho vai ser realizado por educadores sociais, que foram designados para esta função: Antônio Lisboa de Oliveira Filho, Lemuel Esteves dos Santos, Rosânia Alves Correia, Wanderson Santos Souza, Wellington Pereira de Oliveira e Jordan de Souza.

Já a comissão designada para acompanhar as demandas da população em situação de rua é composta por Glorismar Melazzo (Secretaria de Desenvolvimento Social), Estefânia Cheruli Fernandes (Saúde), Carlos Alberto Rodrigues (Observatório de Segurança) e João Pereira de Souza (Divisão de Postura). Os membros suplentes são: Eerizania Eneas de Freitas Lobo, Rúbia Vaz Borges Freitas, Ednéia Gomes Borges e Luiz Sérgio Silva.

Deixe um comentário