Image
Home Cidades Abasteça+ vai informar ao cidadão o preço do combustível em Goiás

Você já baixou o aplicativo E-ON no seu celular? O Governo de Goiás, por meio da Secretaria da Economia, em parceria com a Secretraria de Desenvolvimento e Inovação (Sedi), disponibiliza ao cidadão o E-ON, uma ferramenta mobile que fornece informações. Dentre os serviços, está o Abasteça+, que indica os preços de combustíveis praticados pelos postos de todo o Estado de Goiás.

Ele funciona da seguinte forma: após baixar o E-ON, o usuário seleciona o Abasteça+, aponta a sua localização ou seleciona uma área no mapa, e pesquisa o preço do combustível aplicado, que disponibiliza ao usuário o valor, a data e a hora da emissão da nota fiscal, bem como a forma de pagamento.

“Com o fim do aplicativo “Olho na Bomba”, o cidadão goiano ficou sem a ferramenta de consulta. Então desenvolvemos esta funcionalidade que é similar ao aplicativo anterior e que está agora dentro da gama de serviços disponibilizados pelo E-ON, mas com o diferencial de que a informação do preço não é mais fornecida pelo posto de combustível, mas sim o preço que está na nota fiscal emitida pelo estabelecimento e que está armazenada na nossa base de dados”, explica a Secretária da Economia do Estado de Goiás, Cristiane Schmidt.

Os preços apresentados correspondem aos valores praticados com maior frequência pelo estabelecimento nas emissões de notas fiscais quase que online e que são reportados ao Fisco estadual.

“As informações da plataforma têm origem na emissão da nota fiscal do consumidor. Então, ao realizar o abastecimento de seu veículo e solicitar a emissão da nota fiscal, automaticamente aquele preço já vai para o ranking do aplicativo, partindo do mais barato para o mais caro”, explica o Superintendente de Tecnologia da Informação da Secretaria da Economia, Gustavo Vieira.

Além do Abasteça+, o aplicativo E-ON possui outras ferramentas. Elas estão disponíveis por meio de três eixos:

– Painéis dashboard para acompanhamento de indicadores  como fluxo de caixa, arrecadação estadual e folha de pagamento pela alta gestão (governador, secretários e subsecretários) (acesso restrito);

– serviços internos para servidores da pasta (receita estadual) como fiscalização inteligente seletiva e solução para bloqueios de licenciamento/ipva em atraso (acesso restrito);

– serviços voltados ao contribuinte/cidadão (acesso público).

Para os serviços públicos o aplicativo apresenta 03 visões (serviços, consultas de preços e pesquisa). Na funcionalidade serviços já está disponível consultas de NFe, NFCe, emissão de certidão de regularidade fiscal e pagamento de tributos. Já na funcionalidade consultas de preço, está disponível a consulta de preço de combustível (abasteça +) e na modalidade pesquisa, está em fase final a integração com o Instituto Mauro Borges.

Comunicação Setorial – Economia/GO

 

Deixe um comentário