Ad
Home Últimas Notícias O Adeus a Bezinho: velório será no Ginásio Internacional Newton de Faria...

Fonte: Câmara Municipal de Anápolis por Orisvaldo Pires

Atualização: Devido a contratempo natural em situações de traslado internacional, o corpo do ex-vereador Benjamin Beze Júnior, o Bezinho, será velado a partir das 8 horas de segunda-feira, 2 de março de 2020, no Ginásio Internacional de Anápolis ‘Newton de Faria’ (Av. Senador José Lourenço Dias, centro). O sepultamento está marcado para às 16 horas, no Cemitério São Miguel, também na região central da cidade.

O corpo do ex-presidente da Câmara, Benjamin Beze Júnior, o Bezinho, que morreu, aos 68 anos, acometido por um infarto na manhã da última quarta-feira (25.fev), será velado nas dependências do Ginásio Internacional Newton de Faria, em Anápolis (GO).

O local foi definido a partir de entendimento entre a família de Bezinho, a Prefeitura e a Câmara Municipal.

Os preparativos para o velório, sob a supervisão da família, foram estabelecidos diretamente pelo prefeito Roberto Naves, o presidente da Câmara Leandro Ribeiro e o secretário municipal de Esportes, Karin Abrahão.

Ivan Beze Júnior, sobrinho de Bezinho, informou que a liberação do corpo será feita somente após os procedimentos legais por parte das autoridades de Cartagena, Colômbia.

Segundo ele um avião foi providenciado para fazer o translado do corpo de Bezinho para Anápolis. A previsão de chegada à cidade é sábado (29.fev), em horário ainda não definido.

Na manhã desta quinta-feira (26.fev), na sala de reuniões da Câmara, o presidente Leandro Ribeiro coordenou uma reunião de preparação para o velório.

Participaram membros da Diretoria de Comunicação e Chefia de Cerimonial da Câmara, e representantes da Secretaria de Esportes. O vereador Domingos Paula também esteve presente.

A reunião tratou de questões como a logística do Ginásio Internacional Newton de Faria, como espaço reservado de estacionamento, acesso e acomodações para as pessoas, acompanhamento à família de Bezinho, apoio ao controle de trânsito, segurança, entre outros.

Uma pessoa da família informou que o sepultamento deve acontecer no Cemitério são Miguel, no centro da cidade.

CARTAGENA
A morte de Bezinho aconteceu na cidade de Cartagena, na Colômbia. Estava em período de férias, ao lado dos amigos Marcos Roberto da Silva (presidente do Detran) e Vicente Datena.

Na noite anterior, na terça-feira (24.fev), os amigos contam que Bezinho jantou normalmente e depois se recolheu aos aposentos. Não reclamou de qualquer problema de saúde.

Na manhã de quarta-feira (26.fev), Bezinho não desceu para o desjejum. Os amigos estranharam e solicitaram à gerência do hotel que abrisse a porta do apartamento. Encontraram Bezinho sem vida. A constatação inicial foi da ocorrência de um infarto.

Além da atuação de familiares e amigos, a Embaixada do Brasil em Bogotá, capital colombiana, acompanha os trâmites legais para a liberação do corpo.

HISTÓRIA
Benjamin Beze Júnior nasceu em Anápolis, em 16 de outubro de 1951. Era dentista, formado pela Faculdade de Odontologia João Prudente, da Associação Educativa Evangélica.

Na política participou efetivamente da revitalização do PMDB em Goiás, no início da década de 1980. Iniciou como vereador, o primeiro mandato de 1979-1982, na 8ª legislatura.

Foi presidente da Câmara de Anápolis no biênio 1979-1980. Depois exerceu mais dois mandatos: 1983-1985 (9ª legislatura) e 1986-1988 (10ª legislatura).

Em 1982 teve o nome cogitado para ser vice-prefeito de Anápolis. Por muitos anos foi executivo do Grupo Onogás, que pertencia ao casal Onofre e Lidia Quinan, aos quais também assessorou na atividade política.

Foi presidente executivo e presidente do Conselho Deliberativo do Anápolis Futebol Clube em vários mandatos. Inclusive nos anos de 1995 e 1996, quando o Galo da Comarca chegou à decisão do Campeonato Goiano. Atualmente era vice-presidente do Conselho Deliberativo do clube.

Na década de 1990 Bezinho foi secretário de Indústria e Comércio, e secretário de Minas, Energia e Telecomunicações, nos governos Íris Resende e Maguito Vilela.

Mesmo fora do cenário eleitoral e administrativo, Bezinho jamais deixou a articulação dos bastidores da política. Exímio articulador teve papel importante em vários projetos políticos vitoriosos. Entre eles, foi um dos coordenadores da campanha de Jair Bolsonaro em Anápolis.

Em 2018 Bezinho disputou a eleição ao Senado pelo PRP, como primeiro suplente na chapa liderada por Jorge Kajuru, que teve 1.557.415 votos. Em Anápolis, Bezinho foi fundamental para que a chapa conquistasse 87.001 votos.

Bezinho deixa esposa e uma filha de 23 anos. Várias autoridades lamentaram a fatalidade. Entre elas o governador Ronaldo Caiado, o prefeito Roberto Naves, o senador Jorge Kajuru, o presidente da Câmara de Anápolis Leandro Ribeiro, o presidente do Anápolis FC Marlon Caiado.

(Foto: acervo pessoal)

O VELÓRIO

Segundo informações da Câmara Municipal de Anápolis divulgadas pelo diretor de comunicação Orisvaldo Pires:

DOMINGO – 01.03.2020
LOCAL: Ginásio Internacional de Anápolis ‘Newton de Faria’
HORÁRIO: Chegada do corpo às 11 horas (previsão)
SEPULTAMENTO: 17 horas (previsão) no Cemitério São Miguel, no centro da cidade.
INFORMAÇÕES: Carla/Cerimonial Câmara 9.8409-0778                                                                                                                       ou Cláudia/Secretaria de Esporte 9.9628-7081.

Deixe um comentário