Ad

Decreto libera algumas atividades e torna obrigatório o uso de máscara

O governo do Estado de Goiás publicou na noite deste domingo (19), edição extra do Diário Oficial que traz decreto do governador Ronaldo Caiado (DEM) com novas regras para o funcionamento de diversas atividades econômicas e prorrogou por mais 150 dias a situação de emergência em Saúde Pública no estado devido a pandemia do novo coronavírus, podendo ser prorrogada em caso de comprovada necessidade.

Salões de beleza, barbearias, indústrias, borracharias, concessionárias de veículos, autopeças, motopeças, construção civil e igrejas podem funcionar seguindo algumas normas.

Em Anápolis cultos e missas estão autorizados somente no domingo e respeitando o limite máximo de 30% da capacidade de cada local

Atividades comerciais e prestação de serviços continuam liberadas para entrega e drive thru.

Dentre as obrigações previstas estão distância mínima de dois metros entre pessoas, disponibilização de álcool em gel, reforço na higienização e para salões de beleza e barbearias funcionar com apenas 50% da capacidade.

Eventos públicos e privados, festas, funcionamento de clubes, parques aquáticos, academias, quadras esportivas e visitas em presídios continuam proibidos. Hotéis e correlatos, limitados a uma ocupação máxima de 65%, poderão funcionar para hospedar os prestadores de serviços essenciais ou para pessoas em tratamento de saúde.

As unidades do Vapt Vupt voltarão a funcionar de maneira gradual com atendimento agendado.

O transporte público, municipal e intermunicipal poderá rodar somente com passageiros sentados. O uso de máscara é obrigatório.

No decreto Caiado ainda autoriza os prefeitos, desde que assumam a responsabilidade sanitária, a flexibilizar ou aumentar as restrições,

Veja o diário oficial: diario_oficial_2020-04-19_completo

Deixe um comentário