Ad
Home Destaques Fornecimento de água não será suspenso durante pandemia do novo coronavírus, garante...

Saneago não vai suspender serviço a inadimplentes. Governador articulou junto à Enel e empresas de telefonia para que fornecimento de internet e energia também sejam mantidos durante quarentena

O governador Ronaldo Caiado criticou a disseminação de fake news que têm sido espalhadas desde o início da quarentena e garantiu que a Saneago não irá fazer corte de água dos consumidores que não conseguiram fazer o pagamento da fatura. A fala do governador, durante live diária, transmitida pelos veículos da Agência Brasil Central e parceiros, nesta quinta-feira, dia 23, serviu para rebater boatos de que a estatal de saneamento está promovendo o corte do serviço. “Divulgar fake news é um quadro que acho patológico, que há a necessidade de uma análise psiquiátrica”, desabafou.

Caiado disse que fica impressionado com indivíduos que, ao invés de mostrarem a verdade, nesse momento de dificuldade, agem ao contrário, fomentando a mentira. “Desde o dia 13 de março, antes de decretar a quarentena, tomei toda cautela e chamei o presidente da Saneago (Ricardo Soavinski) e falei que não haveria corte de água”, afirmou. “Quando falo que a Saneago não vai cortar é porque ela está subordinada ao Estado de Goiás”, continuou o governador, explicando que sua determinação tem respaldo jurídico e legitimidade.

Caiado ressaltou que articulou, também, para garantir que não haja cortes de energia elétrica e de internet. “Determinei ao secretário Adriano da Rocha Lima (Desenvolvimento Econômico e Inovação) que fosse até a Enel, que fez o compromisso de não cortar a energia. Me reuni por videoconferência com os representantes de empresas de telecomunicações e todos falaram: ‘vamos atender porque o senhor foi o único governador que nos procurou’”, lembrou. No entanto, Caiado pediu, para quem tiver condições, que faça o pagamento das contas, que haja com consciência.

Além dessa articulação, o governador disse que a Agência de Energia Elétrica (Aneel) já deliberou e proibiu que as companhias de energia elétrica interrompam a prestação do serviço. Citou ainda que a Agência Nacional de Telecomunicações está trabalhando com portarias e protocolos para evitar o corte do sinal da internet para o cidadão que não conseguiu manter as contas em dia.

Cestas básicas

Durante a live, Caiado afirmou que mais de 80 municípios já receberam cestas básicas que foram arrecadadas pela Organização das Voluntárias de Goiás (OVG). Ele enfatizou que os kits serão distribuídos para todos os municípios goianos e que isso tem sido feito sem tumulto e com muita tranquilidade. “É uma maneira respeitosa ao cidadão. Vamos mandar para todo o interior de Goiás. Nossa parceria é com o cidadão que está passando necessidade”, argumentou, explicando que essa ação é obrigação do Estado, que está trabalhando diuturnamente para salvar a vida dos goianos e amenizar os efeitos causados pela pandemia do novo coronavírus.

Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Deixe um comentário