Ad

Na primeira edição do Boletim Semanal da Receita Estadual o foco é o cenário da economia goiana após o início da pandemia do coronavírus, com dados posteriores aos decretos governamentais de combate à Covid-19, ou seja, do período a partir de 15 de março, com ênfase na última semana (19 a 25 de abril). O boletim trará as informações econômico-fiscais mais relevantes.

“Uma das nossas diretrizes na Economia e deste governo é a transparência. Este boletim cumpre esse objetivo, em um momento tão importante, para que todos os goianos saibam com clareza o rumo da economia no Estado”, afirmou a secretária da Economia Cristiane Schmidt.

Os dados serão comparados sempre com o mesmo período do ano anterior, afirmou o subsecretário da Receita, Aubirlan Vitoi. “Os fatores de sazonalidade de cada mês interferem diretamente no resultado, por isso, a medida mais segura é comparar dados de um mês com o mesmo período do ano anterior”, explicou.

As informações serão extraídas semanalmente dos sistemas informatizados da Receita Estadual, com base nos dados dos documentos fiscais eletrônicos e outras informações. De acordo com o superintendente de Informações Fiscais, Alessandro Alves, a análise será publicada semanalmente nos canais da Secretaria de Estado da Economia.

O subsecretário Aubirlan ressaltou ainda que, diferente de outros Estados que também fazem essa divulgação, o boletim da Economia trará informações do ICMS de forma mais detalhada possível, em respeito ao princípio da transparência. “A tendência é que esse boletim especial, do período de quarentena, seja uma publicação de rotina da secretaria, mesmo após o fim das medidas de contenção a disseminação da Covid -19”, destacou.

Acesse o Boletim Semanal da Receita Estadual

Secretaria da Economia – Goiás

Deixe um comentário