Ad
Home Últimas Notícias Em formato híbrido, 9ª edição de Festival de Cinema tem início nesta...

Além de mostras competitivas, evento contará com filmes convidados e apresentações artísticas

Publicado: 07.06.2022

Foto: Divulgação

O 9º Anápolis Festival de Cinema (AFC) começa nesta quinta-feira, 9, e vai até o dia 13 de junho, com exibições no Instituto Federal de Goiás (IFG) – Campus Anápolis e atividades em diferentes espaços da cidade. Oficinas e encontro de cineclubes levam formação para o setor audiovisual e as exibições em escolas cativam o público infantil. Esta é uma realização da Art Vídeo e Prefeitura de Anápolis, com recursos da Lei Aldir Blanc da Secretaria de Estado da Cultura, por meio do edital de Festivais e Eventos de Arte da Lei Aldir Blanc pelo Governo de Goiás.

Além da exibirão de filmes, na abertura terá espetáculo teatral e uma homenagem póstuma ao cineasta Carlos Cesar Santos, conhecido como Cesinha, uma referência audiovisual em produções de publicidade, TV e cinema, com participação ativa desde a primeira edição do AFC, que morreu em junho do ano passado. A programação tem formato híbrido. “Iremos para além do presencial, disponibilizando o acesso aos filmes, rodas de conversa e outras ações através do site”, explica a secretária municipal de Integração Social, Esporte e Cultura, Andrea Lins.

As três mostras competitivas na grade de exibição (“Curta Anápolis”, “Curta Goiás” e “Curta Nacional”) estarão disponíveis online no site do evento nos dias do Festival. O filme de abertura será o contemplado pelo Prêmio Incentivar da 8ª edição do AFC, que é o curta “Choveu há pouco na montanha deserta”, de Rei Souza, já selecionado em festivais de referência no país, como a Mostra de Tiradentes, e premiado no Fica 2021. O filme de encerramento é o longa “Vermelha”, do diretor Getúlio Ribeiro, que venceu a mostra competitiva de longas da Mostra de Tiradentes, em 2019.

As escolas municipais receberão a mostra infantil nas manhãs e tardes de sexta-feira, 10, e segunda, 13. O 8º Encontro Anápolis de Cineclubes (EAC) realizará uma programação no sábado, 11, voltada para a preparação de cineclubistas e público interessado na escrita de projetos para ações e manutenção de cineclubes. O EAC tem o apoio da União de Cineclubes de Goiânia. Os diálogos com os diretores das três mostras competitivas estão marcados para o domingo, 12, em transmissão online.

Oficinas

Duas formações chegam para qualificar realizadores e pessoas que querem aprender sobre a arte cinematográfica e a imagem. “Esta é uma parte fundamental do festival em que fomentamos novos talentos no audiovisual local, como também marcamos o evento como referência na difusão do fazer cinema”, explica a diretora de Cultura, Nabyla Carneiro. Com o nome “Ouver imagens: do ouvido pensante à narrativa sonora”, a oficina parte da sensibilidade da percepção auditiva do participante e vai para a montagem de uma paisagem sonora da produção de filmes. O ministrante é Guile Martins, destacado pesquisador e montador que há 18 anos tem seu trabalho premiado em filmes de destaque nacional.

A oficina “Imagem em Movimento – Iniciação a imagem animada” vai nas origens das imagens em movimento e sequenciais, com conceitos e experimentos dos dispositivos que deram origem ao cinema. Quem ministra esta formação é o artista plástico, curador e gestor cultural João Angelini, que desde 2005 tem sido selecionado e premiado em mostras de arte no país, com destaque para o Anima Mundi, em 2009.

Para conhecer toda a programação, basta acessar www.anapolisfestivaldecinema.com.br.

9º Anápolis Festival de Cinema

Data: de 9 a 13 de junho
Horários, datas e programação no site www.anapolisfestivaldecinema.com.br
Principais locais:

Exibições:

  • Teatro do Instituto Federal Goiano (Av. Pedro Ludovico, Residencial Reny Cury)

Oficinas e Workshops:

  • Galeria de Artes Antônio Sibasolly (Praça Bom Jesus, 15, Centro)
  • Auditório da Escola de Música de Anápolis (Rua 14 de julho, esquina com Av. Goiás, Centro)

Deixe um comentário