Ad
Home Últimas Notícias Homem é preso por vender remédios para emagrecer proibidos

Medicamentos para emagrecer proibidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e atestados médicos falsos eram a fonte de renda de um homem de 29 anos, preso em Goiânia pela Polícia Militar, na noite de quinta-feira (2/07). Ele foi flagrado quando negociava um atestado por R$ 20 reais. No local a polícia encontrou também várias cápsulas e invólucros de remédios para emagrecer, vetados no País.

Faziam parte do arsenal de produtos irregulares do preso, segundo a PM, carimbos de várias empresas, carteiras de trabalho, diversos blocos de receita médica e atestados médicos em branco, alguns deles já assinados, e com a inscrição de diferentes municípios goianos.

A polícia civil suspeita que os donos das carteiras de trabalho possam estar envolvidos em um esquema de obtenção ilegal do seguro-desemprego. As investigações prosseguem e vão colher depoimentos dos médicos, cujos nomes aparecem nas receitas.

Deixe um comentário