Ad
Home Últimas Notícias Homem é preso suspeito de agredir e roubar pai para comprar drogas

Um homem de 40 anos foi preso em flagrante, nesta quinta-feira (23/07), suspeito de agredir o pai, de 88, para roubar sua aposentadoria e comprar drogas, em Anápolis. A vítima apresentava hematomas no braço e confirmou que apanhava do filho. “Isso aqui é ele que me machucou. Tem machucado nas costas também, [ele fica] me esmurrando”, afirma.
O delegado Manoel Vanderic, responsável pelo caso, disse que já investigava a situação do idoso há um ano e meio. Ele explica que a mãe do suspeito, que já morreu, também era alvo da violência do filho.

“A principio, na denúncia que recebemos, a vítima era a esposa do idoso, que já faleceu em razão de um AVC [Acidente Vascular Cerebral]. Ela reclamou muito das agressões do filho, que também furtava todos os bens da casa para adquirir mais entorpecentes”, revela.

Vanderic afirma que, na ocasião da primeira denúncia, o idoso foi levado para um abrigo, mas como não se adaptou, retornou para o lar e voltou a ser agredido pelo filho.

O homem deve responder por lesão corporal, ameaça e apropriação de aposentadoria. Até o início desta tarde, ele permanecia preso.
Dez casos por dia
O delegado Manoel Vanderic explicou que, no primeiro semestre deste ano, a Delegacia do Idoso de Anápolis já fez 1,5 mil ocorrências de agressões e abandono, o que resulta em uma média de dez casos por dia.

Apesar da grande quantidade de atendimentos, ele explica que 70% dos casos são resolvidos sem a necessidade do registro de um boletim.

“A prisão do autor e a falência do sistema prisional provocam ainda mais sofrimento e desestruturação familiar. Com a interferência da polícia, a delegacia se tornou o intermédio entre o idoso e o estado. Passamos a aproximar os parentes, encaminhá-los para cidades distantes, para tratamentos e cirurgias”, pondera.

Agressão

(Com G1.com)

Deixe um comentário