Ad
Home Últimas Notícias Audiência agendada para o dia 23 vai debater aumento da tarifa do...

LUANA CAVALCANTE

O vereador Domingos Paula (PV) usou a tribuna da Câmara Municipal para falar sobre o possível aumento da tarifa do transporte coletivo em Anápolis, que poderá passar de R$ 3,00 para R$ 3,20. O parlamentar é presidente da Comissão de Urbanismo, Transporte, Obras, Serviços e Meio Ambiente e se manifestou contra a possível alteração, sem o devido debate.

Para isso, o parlamentar informou nesta terça-feira (7.nov.17) que irá promover uma audiência pública para o próximo dia 23 de novembro para tratar do assunto.

O possível aumento repercutiu na semana passada depois que a empresa responsável por esses serviços em Anápolis, a Urban, divulgou um estudo para justificar o novo valor ainda para este ano.

Domingos Paula informou que o decreto já está nas mãos do prefeito, mas ainda não foi assinado. Para evitar o aumento, ele prometeu entregar um ofício ao prefeito Roberto Naves (PTB) para que ele analise se o aumento está dentro da lei.

Ele reclamou que os vereadores não foram chamados para debater sobre o assunto. “A Câmara defende o lado da população de Anápolis e dos que precisam do transporte coletivo, e é isso que vamos fazer”, falou.

Em seu discurso, Domingos Paula falou que a Urban ganhou a licitação e assumiu os serviços no dia 22 de novembro de 2015. “No ano de 2015 a inflação foi de 10,65%. A empresa rodou 39 dias e o direito era de 1,15%. Em 2016 a inflação foi de 6,29%”, pontuou.

O parlamentar falou durante a sessão ordinária que em 2016, as passagens do transporte coletivo já tiveram um aumento de 20%, passando de R$ 2,50 para R$ 3,00. “Esse aumento que traz um faturamento de mais de R$ 15 milhões”, reclamou o parlamentar.

A previsão para 2017 foi de 3,8%. Nesse período o aumento dentro da lei seria de 10,52%. Domingos Paula ressaltou que os vereadores precisam ter responsabilidade com a população que usa esses serviços. “Vou entregar um ofício para o prefeito para solicitar que, em um primeiro momento, não aceite o aumento. É preciso fazer um estudo para depois dar um aumento justo”, disse Domingos Paula.

Deixe um comentário