Ad
Home Destaques Após intervenção de Agência Reguladora Municipal, reajuste da passagem de ônibus em...

Valor da nova tarifa, de R$ 4,95, está abaixo da reivindicação inicial, de R$ 7,63, feita pela Urban

Publicado: 28.02.2022

Foto: Bruno Velasco

Criada pela atual gestão municipal com objetivo de defender os interesses da população anapolina em relação aos contratos com prestadores de serviços, como a Urban e a Saneago, a Agência Reguladora Municipal (ARM) teve papel decisivo no reajuste do valor do transporte coletivo em Anápolis. A tarifa passa a custar R$ 4,95 a partir de 1º de março. Durante meses, negociações foram travadas entre a empresa e a agência para definir o aumento, que ficou abaixo dos R$ 7,63 pedidos inicialmente pela Urban.

A decisão foi tomada em reunião, na manhã desta sexta-feira, 25, com o presidente da ARM, Robson Torres, e o diretor jurídico Fabrício Lopes, o procurador-geral do Município, Carlos Alberto Fonseca, e o representante jurídico da Urban, Carlos Leão. “O município autorizou o reajuste, abaixo do valor pedido, pensando na capacidade de pagamento do usuário sem desconsiderar os custos da manutenção do serviço”, pontua o procurador, considerando que o último reajuste, ocorrido em 2019, não acompanhou a inflação dos últimos anos e a alta de insumos envolvidos na operação do transporte coletivo.

Como estratégia de segurança para o cidadão que utiliza o serviço, o valor da tarifa a R$ 4,95 vale exclusivamente para compras no bilhete eletrônico, do contrário, o valor sobe para R$ 5,50. “Essa medida é para incentivar o uso do bilhete eletrônico, pois a compra antecipada é mais segura e agiliza o embarque”, explica Robson.

Deixe um comentário