Ad
Home Últimas Notícias Marconi discute em Brasília melhorias para a hidrovia Paranaíba-Tietê

O governador de Goiás, Marconi Perillo, participou na segunda-feira (1/6), de encontro com o secretário Executivo do Ministério de Minas e Energia, Luiz Eduardo Barata, para discutir a ampliação e melhoria da hidrovia Paranaíba/Paraná/Tietê. A reunião contou ainda com a presenta de representantes de São Paulo, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, já que as obras abordadas no encontro também estão sendo definidas por esses Estados. 

A hidrovia apresenta alguns problemas que precisam ser resolvidos para que possa ser utiliza em toda a sua extensão. Há necessidade, por exemplo, de derrocamento de pedras em algumas partes no Estado de São Paulo e construção de eclusas que possibilitem que barcos maiores utilizem a hidrovia.
Um outro problema pendente para que as obras sejam iniciadas, diz respeito ao racionamento de água para não prejudicar a produção de energia elétrica. Hoje, durante uma parte do ano, a hidrovia fica sem funcionar porque os rios apresentam baixo volume de água. A maior quantidade da água que escorre pelos rios acaba sendo utilizada na geração de energia, inviabilizando a utilização da hidrovia.
A viabilidade técnica e econômica da hidrovia Paranaíba/Paraná/Tietê foi um dos três assuntos tratados pelo governador Marconi Perillo na tarde desta segunda-feira na capital federal. Antes, ele se reuniu com o ministro da Aviação Civil, Eliseu Padilha, no Palácio Jaburu, residência oficial da vice-presidência da República.
O Ministério prepara a destinação de uma verba de R$ 320 milhões a ser aplicada na construção e modernização de dez aeroportos no Estado de Goiás. Na relação de beneficiários estão os aeroportos de Catalão, Caldas Novas, Itumbiara, Jataí, Rio Verde, Anápolis, Pirenópolis, Minaçu, Alto Paraíso e Porangatu. “O ministro – declarou o governador – nos deu a garantia de que nos orçamentos deste ano e nos próximos anos haverá recursos para essas obras”. Marconi acredita que ainda este ano pelo menos três dos dez aeroportos deverão ser entregues completamente reformulados.
Outro assunto tratado com o ministro Eliseu Padilha é o aeroporto de Goiânia. “Tratamos com o ministro da consolidação do projeto e da obra do viaduto que vai dar acesso ao novo terminal do aeroporto de Goiânia. Isto está fechado, nós vamos cumprir o cronograma de entrega das obras do aeroporto e também vamos conseguir viabilizar o viaduto”, disse o governador.
Marconi esteve também no Ministério das Comunicações. Na companhia do secretário de governo, Henrique Tibúrcio, tratou da ampliação de alguns sistemas na área de implantação de redes de internet para acesso da população mais carente que residem em regiões mais distantes e que não têm acesso a essa tecnologia. “Já temos o compromisso do ministro de que irá nos apoiar com pelo menos dez plataformas”, comemorou o governador.

Deixe um comentário