Ad
Home Últimas Notícias Preso suspeito de matar e ocultar corpo em Pirenópolis

Antonio Luis Amorim Barbosa, vulgo Maranhão ou Pezão, de 26 anos, foi preso sob suspeita de matar e ocultar o cadáver de um homem, de 30 anos, identificado pela polícia apenas com as iniciais J.A.S. A vítima desapareceu no último dia 8 de junho após ter se encontrado com o suspeito, que é morador de rua.

Segundo informações da polícia, assassino e vítima não se conheciam. Durante as investigações, os policiais averiguaram que J.A.S saiu de casa e se encontrou casualmente com Antonio na beira do rio, em Pirenópolis (GO), onde assaram carne.

De acordo com a polícia, Antonio confessou que decidiu matar a vítima para roubar uma corrente de prata. O suspeito contou que quando J.A.S estava distraído, ele o golpeou com uma pedra, houve luta e o suspeito desferiu mais golpes até conseguiu matá-lo.

Após o crime, ocultou o cadáver sob moitas e galhos às margens do rio e subtraiu a corrente de prata e o tênis da vítima. O corpo só foi encontrado após quatro dias, no domingo.

Antonio foi preso em Goianésia e encaminhado para Pirenópolis. Na delegacia, o suspeito confessou ter matado a vítima para roubar e ter depois escondido o corpo. Confessou também outros homicídios.

Ainda de acordo com a polícia, Antonio disse que não se arrepende dos crimes que cometeu, que se for preciso matará novamente. Ele também confessou que usava o nome falso de Marcos Paulo e que teria fugido de uma prisão, da cidade de Balsas, Maranhão.

Pirenópolis

Deixe um comentário