Ad
Home Últimas Notícias Hospital suspende cirurgias por risco de contaminação em UTI

O Hospital Materno Infantil (HMI), em Goiânia, suspendeu a realização de cirurgias eletivas, ou seja, aquelas que podem esperar uma ocasião mais propícia, de pacientes que possam precisar de um leito de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica. O motivo é o risco de contaminação de bactérias.

Dentre as operações adiadas, está a de separação das gêmeas siamesas da Bahia, Maria Clara e Maria Eduarda, de 3 meses. Nascidas em Salvador, as meninas são unidas pelo abdômen e compartilham o fígado. Os pais trouxeram as filhas para a capital para que a cirurgia fosse viabilizada, já que o HMI é referência nesse tipo de procedimento.

Segundo o hospital, a suspensão das cirurgias eletivas será até o próximo dia 21 de agosto. Em nota, a assessoria do HMI explicou que há quatro pacientes colonizados por bactérias na UTI. A medida foi adotada para coibir a disseminação destes “novos agentes multirresistentes” e evitar “a infecção cruzada entre pacientes”.

hmi

Deixe um comentário