Ad
Home Últimas Notícias ProBem: oficializa inclusão de mais 5 mil estudantes

Com entrada de novatos, número de beneficiados com política pública estadual no primeiro semestre deste ano vai para 12 mil. Recém-chegados já receberão aporte retroativo referente ao mês de janeiro

Publicado: 24.03.2022

Foto: Junior Guimarães

O Governo de Goiás e a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) oficializaram, nesta quarta-feira (23), em evento no Teatro Goiânia, a inclusão de 5 mil novos bolsistas no Programa Universitário do Bem (ProBem). Com a entrada destes estudantes, que já receberão o valor retroativo referente ao mês de janeiro, o número de pessoas beneficiadas com a política pública no primeiro semestre de 2022 sobe para 12 mil. “É um evento que faz com que a gente se sinta realizado. Sempre tive a convicção de que nunca vamos tirar o Estado das dificuldades e as famílias da condição de vulnerabilidade, se não investirmos em Educação”, afirmou o governador Ronaldo Caiado.

O líder do Executivo ressaltou a importância de uma formação acadêmica. “O cidadão com profissão tem independência e liberdade. Do contrário, fica subordinado a situações que nem sempre são corretas e, muito menos, dignas”. Isso em vista, preparou toda uma estrutura de governo que desse aos alunos a tranquilidade de cursar 100% sua faculdade. “São ações assim que interrompem o ciclo da pobreza em Goiás”, assinalou Caiado. Ele ainda destacou que o programa passa a pagar imediatamente os contemplados. “Não tem aquilo de esperar seis meses; até porque o estudante não pode esperar”, frisou.

Criado durante a atual gestão, o ProBem busca democratizar o acesso ao ensino superior utilizando o Cadastro Único (CadÚnico), banco nacional de dados, para identificar famílias em situação de vulnerabilidade social. Hoje, alunos e alunas de 230 municípios, de 69 diferentes cursos e distribuídos em 94 instituições, recebem o benefício. São ofertadas bolsas parciais (50% do valor da mensalidade), com limite de R$ 650, e bolsas integrais (100% do valor da mensalidade), limitadas a R$ 1,5 mil. Para estudantes de medicina e odontologia, o aporte financeiro sobe para R$ 2,9 mil (bolsas parciais) e R$ 5,8 mil (bolsas integrais).

“Com o novo programa feito pelo governador, junto com os deputados estaduais, houve uma mudança real para que o ProBem chegasse aos jovens que realmente precisavam, e não por conotação política”, salientou a presidente de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e coordenadora do Gabinete de Políticas Sociais (GPS), primeira-dama Gracinha Caiado. “Caiado sempre acreditou que, ao oportunizar esses jovens, estamos dando uma chance ao Estado de Goiás. Sabemos que, ao cursar uma universidade, o jovem em vulnerabilidade muda não só a sua vida, mas a de sua família”, completou.

Nayara Gomes, bolsista estudante de odontologia, não conteve as lágrimas ao ver na plateia sua maior incentivadora. Só graças à insistência da mãe que a jovem se inscreveu. “Teve uma época que tinha pensamentos negativos e pensei em desistir. Fiquei em choque ao ver que estava aprovada”, relatou ao falar em nome de todos os contemplados. “Não tive a oportunidade que hoje minha filha está tendo”, afirmou Érica dos Santos Machado, mãe de Sheillany Machado, de 18 anos, que cursa estética cosmética. “Tenham coragem de sonhar alto e a certeza de que, nessa caminhada, vocês não estão sozinhos. Trabalhamos todos os dias para dar a vocês o respaldo necessário para cursarem uma universidade com sucesso”, complementou Gracinha.

Mais oportunidades

O ingresso no mercado de trabalho, por meio do banco de oportunidades, que oferece cursos e estágios associados à área de formação do bolsista, além da participação em projetos sociais e iniciativas humanitárias, como doação de sangue, são algumas das estratégias de inclusão promovidas pelo programa. O ProBem tem, por exemplo, parceria com 22 bancos de sangue de Goiás. Familiares dos contemplados recebem ainda acompanhamento integral por meio de uma rede socioassistencial.

“Essa foi uma inovação com o objetivo de preparar o universitário de forma integral para o mundo do trabalho”, enfatizou a diretora-geral da OVG, Adryanna Caiado. “E como ninguém faz nada sozinho, é preciso agradecer nossos parceiros”, reconheceu, citando o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Grupo Novo Mundo, Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee) e Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional Goiás (OAB-GO).

O presidente do Grupo Novo Mundo, Carlos Luciano Ribeiro, afirmou que o ProBem é uma oportunidade também para as empresas, “ávidas por gente com vontade, que tem sonho, que gosta de aprender e trabalhar.” Superintendente de Atendimento do Ciee, Luiz Coppola parabenizou Caiado pelo o que chamou de “grande política pública de inserção da juventude no mercado de trabalho”.

“Façam proveito desta grande oportunidade para poderem trabalhar em qualquer área, com muito amor e respeito ao ser humano”, congratulou a deputada federal e líder da bancada goiana no Congresso Nacional, Flávia Morais, que exaltou o governador. “Se não fosse o senhor, com tanta força e pulso, não teríamos um programa de apoio aos nossos universitários.”

Também participaram da solenidade os secretários estaduais Wellington Matos de Lima (Desenvolvimento Social) e Joel Sant’Anna Braga Filho (Indústria, Comércio e Serviços); o deputado federal Delegado Waldir, e os estaduais Coronel Adailton e Rafael Gouveia.

Fonte: Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás

Deixe um comentário