Ad
Home Cultura Em parceria com a TBC Seduc lança o GoiasTec

GoiasTec pretende levar o ensino médio a todos os cantos de Goiás

Fonte: Governo de Goiás

Em parceria com a TV Brasil Central, o Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Educação (Seduc), lançou na manhã desta segunda-feira, dia 29, o ​Projeto de Implantação do Ensino Médio com Mediação Tecnológica (via satélite) – o GoiasTec.

O GoiasTec foi apresentado durante a solenidade de lançamento do Protocolo de Segurança Escolar e de programas da Pasta, assim como de apresentação das realizações da Seduc nos primeiros seis meses do Governo Caiado. O evento aconteceu na nova sede da Secretaria, no setor Vila Nova, em Goiânia. E contou com a participação do governador Ronaldo Caiado.

Segundo a secretária Fátima Gavioli, o GoiasTec pretende universalizar o ensino médio em Goiás, levá-lo a todos os cantos do Estado, através de uma parceria com a TV Brasil Central, emissora da Agência Brasil Central (ABC). O projeto vai começar sendo implementado em 64 municípios, com 29 Coordenações Regionais de Educação.

O GoiasTec terá início em fevereiro de 2020 e vai atender mais de 2.500 alunos de 608 escolas, principalmente aquelas unidades instaladas em locais distantes, como na zona rural, nas áreas quilombolas e indígenas. Ao todo, serão formadas 138 turmas em três períodos, de acordo com a titular da Seduc. As aulas serão transmitidas ao vivo. O projeto, além de levar tecnologia para os estudantes, terá a participação de professores com especialidade em disciplinas que têm maior déficit de docentes, tais como Química e Física.

Qualificar a educação

Em seu pronunciamento, o governador Ronaldo Caiado ressaltou que um de seus objetivos é qualificar, cada vez mais, as crianças goianas na área da educação. “Temos que construir muito”, afirmou ele. O governador destacou o trabalho de desenho de novas plataformas e o uso de novas tecnologias para que se possa chegar a melhores resultados (na educação). E citou o GoiasTec.

Conforme ele, é necessária maior participação da sociedade na criação de alternativas para atender principalmente o interior do Estado. E também para combater o alto índice de analfabetismo identificados em 10 munícipios goianos com maior vulnerabilidade social, que acomete 7 mil pessoas nessas localidades.

O evento contou também com as presenças da primeira-dama e presidente de honra da OVG, Gracinha Caiado; dos secretários da Cultura, Edival Lourenço; e de Segurança Pública, Rodney Miranda; da presidente interina da ABC, Elizeth Araújo; entre outras autoridades, assim como de deputados estaduais, servidores e superintendentes da Seduc, alunos da rede estadual e representantes de entidades da sociedade organizada.​

Mais informações: (62) 3201-3404/7655

 

Deixe um comentário