Ad
Home Últimas Notícias Caiado anuncia mais de R$ 20 milhões para a Cultura

Solenidade realizada nesta terça-feira (05) marca o lançamento do calendário de eventos para este ano, com novas edições do Fica, Canto da Primavera e TeNpo. Governo de Goiás também anunciou reforma do Centro Cultural Martim Cererê e criação da Casa de Cultura de Goiás Altamiro de Moura Pacheco

Publicado: 06.04.2022

O governador Ronaldo Caiado lançou, nesta terça-feira (05), no Teatro Goiânia, no centro da capital, a temporada 2022 de festivais e mostras promovidas pela Secretaria de Estado de Cultura (Secult). Foram apresentadas ao público as informações sobre o 23° Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica), a ExpoCavalhadas, a 17ª Mostra de Teatro Nacional de Porangatu (TeNpo), o 21° Canto da Primavera – Mostra de Música de Pirenópolis e o concurso Canto da Primavera Kids.

O Governo de Goiás anunciou ainda a reforma de parte do Martim Cererê e a criação da Casa de Cultura de Goiás Altamiro de Moura Pacheco.

As atrações fazem parte da estratégia de retorno presencial às atividades do setor de maneira segura, por conta da pandemia de Covid-19, e têm o objetivo de valorizar a diversidade da cultura goiana. Para formular o novo calendário, o Governo de Goiás, por meio da Secult, firmou parceria com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), a Universidade Estadual de Goiás (UEG) e com o Serviço Social do Comércio (Sesc). Na solenidade, o Estado ainda celebrou convênio com as prefeituras municipais dos locais que receberão os eventos.

“Não existia sequer secretaria de Cultura antes. Era uma subdiretoria de alguma secretaria do Estado. Um Estado só se firma, só é respeitado se, realmente, alavancar o orgulho de sua história”, relembrou Caiado. “Meu muito obrigado a todos que fazem, preservam e representam a cultura do Estado de Goiás no exterior. Muito obrigado por levarem a bandeira, o nome de Goiás para uma situação de destaque nacional. Quero dar condições para que vocês produzam o que há de melhor”, enfatizou o chefe do Executivo.

Titular das pastas de Cultura e da Retomada, César Moura ressaltou o foco da gestão. “A Secult é cultura para todo o Estado. É democratização. É o dinheiro da cultura sendo usado para todo mundo que quiser fazer cultura em Goiás”, pontuou. “Esta é a verdadeira parceria público-privada. Nós temos que nos envolver para fazer mais, melhor e mais barato”, explicou o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Goiás (Fecomércio), Marcelo Baiocchi.

O Fica ocorrerá na cidade de Goiás de 24 de maio a 5 de junho e vai contar com mostras cinematográficas, debates e oficinas. Serão investidos R$ 5 milhões no festival. A Mostra de Teatro Nacional de Porangatu (TeNpo) será de 16 a 19 de junho e contará com espetáculos, performances circenses e de dança, oficinas teatrais e palestras. Com investimento de R$ 1 milhão, distribuirá cachês com valores de R$ 12 mil para apresentações e R$ 10 mil para cada oficina.

Já o Canto da Primavera será realizado de 30 de agosto e 4 de setembro e terá 25 shows, oficinas, mesa redonda, além de cachês entre R$ 10 mil e R$ 20 mil. De 22 a 26 de junho também haverá a estreia do Canto da Primavera Kids, direcionado ao público infantil de quatro a 11 anos de idade. Serão distribuídos R$ 18 mil em premiação. O governo anunciou ainda a ExpoCavalhadas, para 27 de abril, na Praça Cívica, em Goiânia, com o objetivo de divulgar as cavalhadas de 12 cidades. Serão investidos R$ 1,8 milhão.

Mais investimentos

O Governo de Goiás garantiu ainda mais verbas para o setor cultural com o Programa Estadual de Incentivo à Cultura – Goyazes. A ação visa apoiar projetos por meio de empresas privadas contribuintes do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). O governador Ronaldo Caiado garantiu R$ 10 milhões para o fomento ao setor.

Outra novidade é a reforma do Centro Cultural Martim Cererê, com investimento de R$ 330 mil, oriundo do Tesouro Estadual e emenda parlamentar. E ainda foi lançada a Casa de Cultura de Goiás Altamiro de Moura Pacheco, localizada na Avenida Araguaia com a Rua 15, no Centro da capital. A iniciativa da atual gestão busca preservar a história e memória do Estado e promover os costumes, tradições e cultura da região.

O Circuito das Cavalhadas está de volta com investimentos de R$ 1,3 milhão. O evento integra o Programa de Interiorização da Cultura, administrado pela Secult, e auxiliará 12 municípios goianos na manutenção e realização das festividades. São eles: Pirenópolis, Jaraguá, Palmeiras de Goiás, São Francisco, Crixás, Santa Cruz de Goiás, Santa Terezinha, Hidrolina, Pilar de Goiás, Corumbá de Goiás, Posse, além da Cidade de Goiás, principal novidade da temporada, que retorna após mais de 70 anos.

“Quem expressa e valoriza quem faz cultura, será um Estado, um país que vai muito longe”, disse o prefeito da cidade de Goiás, Aderson Gouvea. “Governador dá continuidade e preserva cultura. Porangatu é uma cidade polo, que converge vários municípios. Este momento da retomada é importante para o nosso Estado e, principalmente, para a nossa região Norte”, analisou a prefeita de Porangatu, Vanuza Valadares. “Celebro a principal palavra que nos move: parcerias. Menos discursos e mais entregas. Assembleia Legislativa e Governo de Goiás estão unidos pelo bem do Estado e da cultura”, completou o deputado estadual Virmondes Cruvinel.

Calendário de eventos culturais:

23° Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental (Fica) – 24/05 a 05/06
17ª Mostra de Teatro Nacional de Porangatu (TeNpo) – 16/06 a 19/06
1º Canto da Primavera Kids – 22/06 a 26/06
21º Canto da Primavera – 30/08 a 04/09
1º ExpoCavalhadas – 27/04

Foto: Júnior Guimarães

Deixe um comentário