Ad
Home Últimas Notícias Candidato a prefeito de Anápolis poderá gastar até R$ 580 mil no...

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgou nesta quarta-feira (20.jul.2016), o teto para gastos com as campanhas eleitorais para prefeitos e vereadores. Em Anápolis, um candidato a prefeito poderá gastar, no primeiro turno, até R$ 580.879,93. Caso passe para o segundo turno, é permitido mais R$ 174.263,98 em despesas na campanha. Para o candidato a vereador, o limite é de R$ 105.816,19.

Essa é a primeira eleição sob a lei que impõe um teto para os gastos de campanha dos candidatos. Na última disputa, em 2012, o petista Antônio Gomide, reeleito no primeiro turno, declarou ao TSE gasto de R$ 620.380,38.

No caso da disputa para a Câmara Municipal, o campeão de votos, Pedro Mariano (eleito pelo PP, mas atualmente no PRP), declarou gasto de somente R$ 7,3 mil na sua campanha. A disparidade dos valores na disputa proporcional é grande. Teve candidato a vereador eleito, por exemplo, que declarou em 2012 ter consumido mais de R$ 100 mil na campanha.

Deixe um comentário